Belo-jardinenses ignoram Coronavírus e superlotam filas de banco

Belo Jardim Notícias

Idosos também foram vistos jogando dominó na Praça dos Correios, eles são grupo de risco

Foto: Cortesia

.

Apesar da recomendação de autoridades de saúde, para evitar aglomerações como forma de evitar a proliferação do novo “Coronavírus”, a população de Belo Jardim fica revoltada pela quantidade de pessoas que ainda circulam pela cidade.

Nesta quinta feira, 19, filas imensas em bancos e casas lotéricas chamaram a atenção de quem passava pelo local. Segundo informações, as filas foram formadas pela restrição de pessoas dentro da agência, pois só era permitido entrar 7 pessoas por atendimento.

O que, na verdade, seria “cobrir um santo e descobrir o outro”, como diz o velho ditado. Tendo em vista que as pessoas que estavam dentro da agência, supostamente, estariam protegidas, mas e as pessoas que estavam do lado de fora que estavam muito próximas umas das outras?

A Febraban (Federação Brasileira de Bancos) e os bancos recomendam  que as pessoas evitem deslocar-se para as agências bancárias e deem preferência a usar produtos e serviços dos bancos por meio dos canais remotos.

Sugere também utilizar celular e internet para pagamento de contas, consulta de saldos e extratos, transferências financeiras, agendamento de pagamentos e contratação de serviços e empréstimos, entre outros. 

Além das filas nos bancos, a indignação dos internautas também surgiu com idosos que estavam jogando dominó e conversando na Praça dos Correios, quando deveriam estar em casa, em isolamento social. Os especialistas temem que as formas graves do COVID-19 afetem mais pessoas em idade avançada e com outros problemas de saúde (cardíacos, respiratórios, entre outros), que são fatores do risco.

print

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *