Divulgação / ICM

O Instituto Conceição Moura e a Origem Produções deram início nessa terça-feira (12) a mais a 4° edição do projeto “Era Uma Vez… Brasil”, que levará alunos do oitavo ano do ensino fundamental II e professores da rede pública de ensino para um intercâmbio cultural em Lisboa, Portugal. Durante o lançamento, que ocorreu no CETEM, estiveram presentes representantes da GRE, Secretaria de Educação e Tecnologia de Belo Jardim, gestores e professores de história do 8º ano das catorze escolas de Belo Jardim participantes do projeto.

“É emocionante participar desse projeto e observar esses jovens, alunos de escolas públicas, tendo a oportunidade de conhecer diversos monumentos e ter aula enquanto fazem turismo. O ‘Era Uma Vez… Brasil’ tem um importante significado social e acredito que nenhum dos estudantes vai voltar para casa da mesma forma. É importante que eles assumam a responsabilidade de mudar e transformar suas famílias, a comunidade onde vivem, o município. O Brasil precisa muito disso”, destaca o escritor Laurentino Gomes.

A novidade deste ano é que os professores de história terão que se inscrever, assim como os estudantes para participar. Nessa etapa, os professores participam de formação e os estudantes são estimulados a produzirem HQs (Histórias em Quadrinho) e vídeo curto de 1 minuto. Na segunda etapa, 100 adolescentes participam do campus de Belo Jardim durante sete dias, em período integral, com oficinas culturais de teatro, música, audiovisual, capoeira e HQs. Essa etapa é decisiva para a seleção dos estudantes que seguirão para a etapa final do projeto.

Em novembro acontece a última e tão esperada etapa: a viagem de 10 dias para Portugal com os alunos selecionados. Na ocasião, os estudantes terão a oportunidade de percorrer os caminhos da corte portuguesa antes da chegada ao Brasil em um intercâmbio cultural em Lisboa.

Os jovens participantes declaram que a experiência vivida ao longo do projeto ajudou a melhorar a forma de se relacionarem com a família, professores e amigos, assim como o reconhecimento de que eles podem sonhar e realizar seus sonhos, tendo dedicação e coragem para vencer os desafios.

print