(Foto: Ilustração).

Com a chegada do verão, o coordenador do curso de educação física da Uninassau Caruaru e especialista em Treinamento Desportivo, Roberto Ângelo, explica sobre os cuidados que as pessoas precisam ter durante a prática de atividades físicas durante esse período.

O calor é necessário para o controle e bom funcionamento do corpo através da transpiração. Entretanto, é importante que os praticantes fiquem em alerta em relação ao calor excessivo, podendo ocasionar riscos à saúde. ‘’O risco mais comum é a desidratação, pois o excesso de calor também pode causar sudorese intensa, câimbras musculares, fadiga, fraqueza, tontura, dor de cabeça, náusea ou vômito, urina escura e com forte odor e pele fresca e úmida. ’’, ressalta o coordenador.

Devido ao esforço físico, o corpo eleva sua temperatura e interage com o meio ambiente atrapalhando a regulação da temperatura. “Isso pode dificultar a regulação da temperatura corporal expondo a sua saúde a riscos – o principal deles – a desidratação. É importante lembrar que crianças e idosos são os que mais sofrem. ’’, alerta.

Além disso, o educador físico dá algumas dicas importantes. Confira:

– O melhor horário para se expor ao sol são as primeiras horas da manhã, pois o ambiente ainda não recebeu a forte incidência de luz solar;

– Roupas adequadas: leves e claras;

– Proteger os olhos com lentes que tenham proteção contra raios UV;

– Proteger a pele com protetor solar, aplicando 30 minutos antes de sair de para se exercitar;

– Alimentação adequada com alimentos ricos em vitaminas (frutas, verduras e legumes).

print