Prefeito demite motoristas que protestaram por salários atrasados

Belo Jardim Destaque Notícias

Segundo os profissionais, a repercussão do caso incomodou o prefeito, secretário de gestão e o dono da empresa terceirizada

Reprodução/TV Jornal

Incomodados com a repercussão do protesto realizado pelos motoristas que fazem o transporte dos alunos da zona rural e distritos de Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco, o prefeito, o secretário de gestão e o dono da empresa terceirizada, Vênus Transportes Locações, decidiram demitir todos os profissionais que participaram da manifestação, na terça-feira (21).

Antônio Bento, um dos lideres do movimento, relatou em entrevista ao BJ1, que os motoristas foram chamados no setor de transporte, que fica no prédio da prefeitura e foram comunicados da demissão. “O pessoal estava nervoso, o chefe do transporte comunicou a demissão a mando de Hélio, Romero e Wilsinho, que não gostaram da paralisação”, explicou.

O profissional contou ainda que a dívida que a empresa tem com ele chega a R$ 14 mil. “Eu só vou parar de protestar quando eles me pagarem, são três meses de R$ 3 mil de um carro que fazia a linha Vila Nova e Tabocas e dois meses de R$ 2.500 de outro que ia de Olho D’Água a Belo Jardim”, disse.

A repercussão do caso, que foi noticiado com exclusividade pelo BJ1 e noticiado pela TV Jornal Interior, gerou revolta nas redes sociais e entre os alunos e os pais dos estudantes, que se mostraram a favor do protesto realizado pelos motoristas.

Motoristas do transporte escolar de Belo Jardim fazem protesto e cobram salários atrasados

Motoristas do transporte escolar de Belo Jardim fazem protesto e cobram salários atrasados.

Posted by BJ1 on Tuesday, October 22, 2019
print

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *