Bobby Fabisak/JC Imagem

JC Online

A Secretaria de Defesa Social (SDS) divulgou, nesta segunda-feira (15), o balanço com os números de homicídios em Pernambuco no primeiro trimestre de 2019. De acordo com a SDS, foi registrada uma redução de 27,6% nos casos de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) no comparativo com o mesmo período em 2018, saindo de 1.237 vítimas para 896 neste ano. De acordo com os dados, em média, foram assassinadas nove pessoas por dia em Pernambuco entre janeiro e março de 2019.

Ainda segundo a Secretaria, o primeiro trimestre deste ano registrou o menor número de assassinatos de mulheres desde a implantação da atual metodologia de contagem dos homicídios, em 2004.

Considerando apenas o mês de março, a redução de notificações de homicídios caiu 14,4%, em relação ao mesmo período no ano passado, saindo de 369 para 316 casos registrados. De acordo com a SDS, março de 2019 foi o 16º mês consecutivo de queda nesse tipo de crime.

Cidades sem homicídios

Dos 185 municípios do Estado, 94 deles, além do Arquipélago de Fernando de Noronha, não registraram nenhum homicídio de 1º de janeiro a 31 de março de 2019.

Regiões

A região de Pernambuco onde houve a maior diminuição dos CVLIs foi a Zona da Mata, com -31,73%. O número saiu de 249 homicídios, em 2018, para 170, neste ano. A Região Metropolitana do Recife (RMR), sem incluir a capital, registrou a segunda maior redução. foram registrados 256 homicídios no primeiro trimestre de 2019, contra 373 no ano anterior. Uma queda de 31,37%.

No Sertão, a redução foi de 29,93% em relação aos 137 casos de CVLI nos três primeiros meses de 2018. Já no Agreste, o número de CVLIs caiu 24,84%, saindo de 310 no mesmo período em 2018 para 233 homicídios em 2019.

Feminicídios

Acompanhando a redução no número de CVLIs no Estado, os casos de feminicídio, quando a vítima é morta apenas por ser mulher, também caíram. No primeiro trimestre de 2019, foram registrados 15 feminicídios. Já nos primeiros 90 dias de 2018, 18 mulheres foram vítimas do crime. O recuo, portanto, foi de 16,7% nessa comparação.

Latrocínio

Entre janeiro e março de 2019, a taxa de latrocínio, roubo seguido de morte, caiu em 34,78% comparado a 2018. Em termos de números absolutos, de 46 crimes do tipo em 2018, o número foi para 30 em 2019. Além disso, com seis ocorrências registradas de latrocínio, março de 2019 foi o período com menor incidência desse tipo de crime nos últimos 50 meses, segundo a SDS.

Motivações

De acordo com os dados apresentados pela SDS, 67,75% dos CVLIs registrados no primeiro trimestre de 2019 têm relação com o tráfico de drogas, acerto de contas e outras atividades criminosas.

print