Reprodução

Uma babá de 43 anos denunciou com exclusividade ao BJ1 o mau atendimento no Hospital Júlio Alves de Lira / Upa 24h de Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco. Segundo a denunciante, funcionários se negaram a dá um lençol para que sua mãe, uma idosa de 73 anos, se cobrisse devido ao frio.

“Minha mãe estava na sutura, as camas desforradas, minha mãe com frio. Quando pedi um lençol, falaram que não liberavam, só para internamento”, disse.

Ainda segundo a mulher, sua mãe deu entrada no hospital do município na segunda-feira (24). “Ela sentindo muita dor, o médico nem olhou. Eu que tive que pedir para ele passar um raio-X e remédio para ela tomar em casa. O atendimento foi péssimo. Comigo que falo é assim. E quem não tem essa coragem de falar deve sofrer muito”, lamentou.

A denunciante preferiu não ter seu nome divulgado com receio de perseguição política, tendo em vista que pessoas ligadas a ela trabalham como contratados na Prefeitura de Belo Jardim.

O BJ1 entrou em contato com a assessoria de imprensa da Prefeitura Municipal de Belo Jardim, mas até o fechamento da matéria não obteve resposta sobre a denúncia.

print