(Foto: Cortesia).

A Fundação Bitury deixou o domingo de descanso de lado e foi até à zona rural de Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco. A visita teve o intuito de desenvolver trabalhos em prol da valorização da agricultura orgânica e da pecuária, fazendo desses dois vieses, meios sustentáveis no âmbito social e econômico.

“Belo Jardim é rico em vegetação, mais precisa de mais valorização. São tantas nascentes de água mineral e cristalina que nem consigo acreditar que esta cidade estava vivenciando uma de suas piores securas”, disse Adriele Souza, presidente da Fundação.

“A Fundação Bitury, a partir de hoje sela um compromisso de olhar cada vez mais com olhos de sensibilidade para cada povoado desses que visitamos, tais como: Muquém, Araçá, Monte, Santa Rosa, Miguel Dias, Riacho Escuro, Mata Comprida, Campo de Farias, Pedra do Caboclo, Tabocas e Frexeiras”, afirmou a presidente.

Imprimir