Foto: Reprodução

O protesto dos caminhoneiros nas estradas de Pernambuco e do Brasil está afetando além dos postos de combustíveis o abastecimento do gás de cozinha em distribuidoras no município de Belo Jardim, no Agreste. Os caminhões que deveriam fazer o abastecimento estão parados nos bloqueios pelas rodovias no Estado.

A reportagem do BJ1 entrou em contato com quatro distribuidoras de gás de cozinha em Belo Jardim, e, em todas elas os botijões acabaram e não existe previsão para que a situação se normalize.

Denuncie o abuso no preço do gás

O Procon-PE disponibilizou um telefone para que as pessoas que sintam lesados com os preços abusivos cobrados pelos revendedores e distribuidoras de gás de cozinha possam de denunciar. O Procon orienta quem comprou um botijão de gás por um preço muito acima do mercado, pegue a nota fiscal e denuncie através do fone: 0800 -282-1512.

Foto: Divulgação

print