Dança das cadeiras: Cristiano pode assumir Secretaria de Obras e Cícero Nunes a Cultura

Destaque Política

Entre o possível acordo, está Evandro Macarrão, que tenta uma secretaria para a esposa

Reprodução/Facebook

Em meio à crise que Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco, vem enfrentando com descaso na saúde, falta de pagamentos e demissões por parte do Governo Municipal, o prefeito foca o na reeleição e usa todas as armas para não perder o apoio político de Cristiano Cabeludo, que pediu demissão do comando da Secretaria de Cultura na terça-feira (15), pelas redes sociais.

Para permanecer com o apoio de Cristiano, Hélio dos Terrenos estaria disposto a oferecer a Secretaria de Obras, que atualmente é gerida por Cícero Nunes. Com a proposta, Cícero passaria a comandar a Cultura, que está sem secretário. Porém, entre essa negociação aparece o vereador Evandro Macarrão, que pediu a pasta da Cultura após o pedido de demissão de Cristiano Cabeludo.

O vereador, que voltou ao grupo político do prefeito após ser expulso pelas redes sociais, tenta a todo custo conseguir uma secretaria para a mulher, como foi prometido por Hélio. Chegou a ser cogitado que a esposa do parlamentar assumisse a extinta Secretaria de Indústria e Comércio, porém, após a repercussão negativa, o gestor municipal desistiu de recriar a pasta. Outra secretaria que o vereador pediu foi a de Planejamento, mas, sem sucesso.

Evandro Macarrão está em viagem ao estado de Minas Gerais, para um congresso de vereadores. De lá, ele espera que o prefeito assine a nomeação da sua mulher para a Cultura, mas, por baixo dos panos, Cícero Nunes articula a permanência de Cristiano Cabeludo, oferecendo a Secretaria de Obras e se alto-indicando para a pasta da Cultura.

As informações são de fontes do BJ1 no Governo Municipal.

print

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *