Cortesia

Uma ambulância da Secretaria de Saúde de Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco, foi vista de saída com paciente do Hospital Júlio Alves de Lira, na noite dessa quarta-feira (29), com o farol esquerdo do veículo queimado. Fotos do momento em que a ambulância estava de saída da unidade de saúde foram enviadas com exclusividade para a reportagem do BJ1.

Segundo informações de uma testemunha que presenciou o momento em que a ambulância estava de saída para realizar uma possível transferência de paciente, uma profissional de enfermagem entrou no veículo e sentou no banco do carona, e uma mulher com acompanhante foi colocada no compartimento de trás do veículo. Instantes depois, o motorista entrou na ambulância, deu partida e saiu com o veículo com o giroflex ligado.

Fontes do HJAL relataram ao BJ1, que pela porta da unidade de saúde onde a ambulância foi vista saindo, geralmente são realizadas as transferências específicas de pacientes gestantes. Ainda de acordo com fontes ligadas à Sec. de Saúde, todas as ambulâncias do município pertencem a uma empresa de locação de veículos.

Cortesia

Conduzir um veículo com farol queimado põe em risco a vida do motorista, passageiros e pode causar acidentes graves, além disso trafegar com o veículo nessa situação é uma infração de natureza média, e o valor da multa é de R$ 130,16, segundo o Código de Trânsito. Se autuado também gera quatro pontos à CNH do motorista infrator.

O BJ1 entrou em contato com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Belo Jardim e da Secretaria de Saúde, mas até o fechamento da matéria não recebeu nenhum posicionamento sobre o caso.

print